Início Colunistas Mato Grosso do Sul se apresenta como ecodestino ao trade paulista

Mato Grosso do Sul se apresenta como ecodestino ao trade paulista

902
0
COMPARTILHAR

O mercado de turismo paulista recebeu em julho o Road Show do Estado do Mato Grosso do Sul. Profissionais do estado do centro-oeste apresentaram sua diversidade como ecodestino, mostrando as belezas das águas cristalinas de Bonito e a cultura e as experiências impressionantes que o Pantanal oferece.

A região, com uma exuberante fauna, é considerada pela UNESCO como patrimônio natural mundial e reserva da biosfera. Entre os destaques está Bodoquena, ainda desconhecida pelo mercado. A cidade é um ecodestino perfeito, pois oferece grutas, cachoeiras e rios transparentes.

Karla Cavalcanti, representante da Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul

Algumas cidades receberam as apresentações do ecodestino

As apresentações passaram pelas cidades de Ribeirão Preto, Campinas, São José dos Campos, Santo André e pela capital. Foi uma grande oportunidade de estabelecer um relacionamento direto entre proprietários de hotéis, hotéis-fazenda e operadoras mato-grossenses do sul, com as agências de turismo paulistas.

A apresentação na capital aconteceu no restaurante Dinho’s. O evento teve a participação da empresa Gentileza r.p. que representou junto ao trade paulista os empreendimentos Lontra Pantanal Hotel e Pantanal Jungle Lodge em apoio ao gerente geral dos hotéis, Lucas Andrade.

O grupo que participou do road show

A ação faz parte do programa Investe Turismo

Com “casa lotada” em todos os encontros, foi possível conhecer melhor o destino através da apresentação de um vídeo promocional da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul e da exposição de cada empreendimento. Ao final de cada jantar foram realizados sorteios de estadias para os agentes presentes.

Network entre empresários e agências que aconteceu durante o evento

A ação é resultado do trabalho do programa Investe Turismo. Ele é desenvolvido pelo Ministério do Turismo, Embratur e Sebrae Nacional. E tem a parceria da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul. O objetivo é fazer com que o mercado nacional conheça o destino que hoje tem 80% de seus turistas oriundos de países europeus.

Leia também Pantanal do Mato Grosso do Sul: destino top da pesca esportiva

Deixe uma resposta