Início Colunistas ABETA realiza XVI Congresso em Ilhabela

ABETA realiza XVI Congresso em Ilhabela

737
0
COMPARTILHAR

A ABETA (Associação Brasileira de Ecoturismo e Turismo de Aventura), realiza entre os dias 14 e 18 de agosto em Ilhabela, no litoral de São Paulo, o seu XVI Congresso de Turismo Responsável.

“A trajetória dos quinze anos da associação trouxe para esse segmento do turismo a seriedade que era necessária. Por exemplo, com a criação de manual de boas práticas e normas técnicas obrigatórias para segurança dos usuários”, explica Teriana Selbach, presidente da ABETA.

A visão da ABETA vai de encontro às necessidades da nova denominação dessa fatia de mercado: o Turismo de Natureza. Ele engloba todas as atividades, sendo elas de aventura ou não, que ocorrem em meio a natureza, como até mesmo um simples acampamento. Isso porque reconhecem a exuberância desse meio e seus riscos naturais, bem como a sua fragilidade em relação às ações humanas.

Segundo os organizadores, o encontro anual realizado pela associação, aberto para associados e não associados, traz à luz uma discussão madura e concreta sobre esse segmento do turismo reconhecido internacionalmente. Mas que ainda dá seus primeiros passos no Brasil. Mesmo sendo o país um dos maiores e melhores destinos para acolher esse público.

“A cada ano, novos temas são levantados e trabalhados posteriormente para que haja a excelência no atendimento. E os trabalhos vão mais além, quando se discute também as questões ambientais como uso de reservas e sua privatização”, explicou a presidente da ABETA.

O destino escolhido para este ano

Se o tema deste ano é “15 anos de vida natural”, o local para sediar o ABETA foi bem escolhido: o litoral norte de São Paulo, mais precisamente a cidade de Ilhabela.

São mais de 40 praias paradisíacas, uma biodiversidade de fauna e flora exuberantes, além de diversas trilhas para desbravar a vida ao ar livre – e um bônus de praticamente uma cachoeira para cada dia do ano.

Ilhabela tem a aptidão natural para o ecoturismo e turismo de aventura. Considerada a capital nacional da vela, também é uma das maiores reservas de Mata Atlântica do planeta. São 85% de sua área preservada pelo Parque Estadual de Ilhabela, considerado Patrimônio Natural e Reserva da biosfera pela UNESCO.

Além disso, possui uma rica história e uma cultura caiçara muito presente e atuante. Por isso, é o destino perfeito para combinar a capacitação no turismo, com a contemplação da natureza, aventura e, claro, muita diversão.

“É sem dúvida um encontro imperdível para quem gosta desse tipo de viagem e, principalmente, para quem reconhece nesse nicho de mercado o futuro do turismo no Brasil”, completou Teriana Selbach, presidente da ABETA.

Para obter maiores informações de como participar é só acessar www.abeta.tur.br

Leia também Rota 174 volta a ser destino no trade

 

 

 

Deixe uma resposta