Início Artigos Turismo e desenvolvimento no Maranhão

Turismo e desenvolvimento no Maranhão

179
0
COMPARTILHAR

Tenho muita alegria de perceber que, cada vez mais, o Maranhão tem ocupado posição de destaque positivo no cenário nacional. As sucessivas entrevistas para as quais tenho sido convidado demonstram a atenção com que o Brasil acompanha as mudanças que estamos vivenciando no estado. Um exemplo disso é o fim do tempo dos escândalos de corrupção, sempre com os mesmos sobrenomes famosos.

Nosso estado vive a atmosfera de desenvolvimento em áreas muito importantes. Dentre as quais hoje quero destacar o turismo. A mudança de percepção sobre o Maranhão foi resultado, em grande parte, dos investimentos que fizemos em projetos de infraestrutura que geraram impacto imediato na atração de visitantes. E, especialmente, na geração de trabalho e renda para o nosso povo.

Recentemente, por exemplo, tive a satisfação de entregar a MA-315, a primeira ecorrodovia do Maranhão. Ela liga as cidades de Paulino Neves e Barreirinhas. Um ousado projeto de infraestrutura que garantiu condições adequadas de circulação de pessoas e veículos, respeitando as questões sociais e ambientais. O trajeto por si só é um espetáculo natural.

Rodovia MA-315 é a primeira ecorrodovia do Maranhão e liga as cidades de Paulino Neves e Barreirinhas

Entre dunas e lagoas, foram feitos 30 quilômetros de asfalto e 10 quilômetros de bloquetes de concreto nos trechos urbanos. Neste último caso, em parceria com a empresa Ômega – que implantou um Parque Eólico na região.

Essa estrada é fundamental para a promoção do desenvolvimento turístico na Região dos Lençóis e no Delta do Parnaíba. Ela passa a ser o principal acesso da Rota das Emoções, pois facilita a chegada de turistas vindos pelos estados do Piauí e Ceará.

Novas estradas estão em projeto

Cidades vizinhas também têm se beneficiado, como Santo Amaro. Depois de receber a MA-320 completamente asfaltada, tem se tornado destino preferido de muitos turistas, alavancando a economia local. Neste ano, vamos levar a estrada até Primeira Cruz e ampliar investimentos na região do Munim.

Na outra ponta do estado, em Riachão, colocamos asfalto na cidade e fizemos a recuperação dos acessos ao Poço Azul e Encanto Azul. Em Carolina, urbanizamos toda a região central da cidade, pontos importantes do Parque Nacional da Chapada das Mesas.

O poço azul é uma daquelas atrações imperdíveis

Na capital, também executamos um plano de recuperação e manutenção dos principais atrativos turísticos com a Blitz do Turismo. Instalamos novas casas de cultura, implementamos forte programação artística com o programa Mais Cultura e Turismo e ampliamos a rede de Centrais de Atendimentos ao Turista.

Em 2019, teremos a entrega de novos equipamentos para nossos conterrâneos e para os turistas. Entre eles, o prédio da Reffsa e o bairro cultural da Madre Deus.

Por tudo isso, vamos progressivamente conseguir ampliar o cenário que vimos nos últimos meses: hotéis, restaurantes e toda a vasta cadeia produtiva do turismo muito movimentada e animada. Vamos continuar trabalhando com seriedade para garantir o reposicionamento do nosso estado aos olhos do Brasil. Com o respeito que nossa gente sempre mereceu.

O autor do artigo é governador do Maranhão Flávio Dino

Deixe uma resposta