Início Aviação TAP recebe primeiro Airbus A330-900 do mundo 

TAP recebe primeiro Airbus A330-900 do mundo 

276
0
COMPARTILHAR

A TAP Air Portugal recebeu no final de novembro o primeiro Airbus A330-900 do mundo. Até dezembro de 2019, a empresa acrescentará mais 19 aviões desse modelo à sua frota.


O Airbus A330-900 tem 298 assentos dispostos em três classes: 34 na executiva, 96 na econômica plus e 168 na econômica. A nova cabine oferece mais espaço para o passageiro, compartimentos de bagagem maiores, um novo sistema de iluminação de cabine, além de wi-fi de última geração. O novo avião veio para reforçar a operação do longo curso da TAP.

A cerimônia de entrega foi realizada em Toulouse, sede da Airbus

“Estou muito satisfeito com a chegada do primeiro Airbus A330-900 à nossa frota. Eles consomem cerca de 20% a menos de combustível do que outras aeronaves. No final do próximo ano, 37% da nossa frota do médio curso será constituída por estes aviões. Na frota do longo curso, mais de 70% das block hours serão voadas por estes novos aviões”, afirmou Antonoaldo Neves, presidente executivo da TAP.

“O A330-900 traz um aumento em termos de flexibilidade operacional. Isso acontece devido às suas características comuns com a frota da TAP. Ela também será a primeira aeronave que será equipada com a nova cabine Airspace”, completou Neves.

“Entregar o primeiro A330-900 a um cliente de longa data como a TAP, é um marco muito importante para a Airbus”, afirmou Guillaume Faury, presidente da Airbus Commercial Aircraft. “Esta ocasião é mais um passo para alcançar o nosso objetivo de uma indústria de aviação sustentável”, acrescentou.

Conheça quais as diferenças do Airbus A330-900

O novo Airbus A330-900 é uma aeronave de última geração. Foi  desenvolvida com base no sucesso do Airbus A330 e impulsionada pela tecnologia A350XWB.

O novo avião incorpora a última geração de motores Rolls-Royce Trent 7000. Além de uma nova asa de maior envergadura com otimização 3D e novos sharklets para proporcionar melhor desempenho aerodinâmico.

Em conjunto, estes avanços trazem uma redução significativa no consumo de combustível na ordem dos 10/12% em comparação com aeronaves da geração anterior. Também as novas nacelles de composto de última geração (suportes dos motores, fixados na asa), pilar estrutural de titânio e uma tecnologia de entrada de ar com painéis acústicos sem juntas, proporcionam melhorias ao nível da aerodinâmica e do ruído.

A relação entre a Airbus e Portugal já é longa. Começou no ano de 1987, época em que a TAP encomendou três aeronaves Airbus do modelo A310.

Atualmente, a TAP opera uma frota de 72 aviões de fabricação exclusiva Airbus. Só este ano, recebeu seis aviões novos da fabricante. E agora recebe o primeiro Airbus A330, para a sua frota de longo curso.

Deixe uma resposta