Início Aviação Passagens aéreas para o Carnaval estão até 360% mais caras

Passagens aéreas para o Carnaval estão até 360% mais caras

520
0
COMPARTILHAR

Um levantamento do site Cuponomia mostrou que os preços das passagens aéreas cresceu 360% na comparação com o ano passado.

O levantamento considerou trechos de ida e volta para as cidades de Rio de Janeiro, Salvador, Belém, São Paulo, Recife, Fortaleza e Curitiba. Segundo dados do Ministério do Turismo são os destinos mais procurados no período.

Com a proximidade da data, achar passagens baratas fica cada vez mais difícil. Têm pessoas que tentam em agências ou mesmo fazem cotações seguidas nos sites da companhias aéreas. Mas para quem deseja curtir o feriadão – longe ou perto da folia -, um bom aliado para economizar é o buscador de voos Turismocity.

O aplicativo reúne, compara e envia aos usuários voos disponíveis e passagens aéreas promocionais para diversos destinos. Fundada em 2014, a empresa é o maior buscador de voos e hotéis da Argentina. Atualmente, está presente em toda a América Latina, com mais de 1,5 milhão de usuários.

Aplicativo usa Big Data para comparar preços das passagens  

Utilizando Big Data que rastreia de forma inteligente milhões de voos, a plataforma reúne os resultados disponíveis em um único lugar. Isso possibilita ao cliente comparar as ofertas e escolher a melhor opção.

Ele também ajuda os usuários a decidir quando e para onde viajar. Além de criar alertas para um destino específico e faixa de preço.

Para quem é cadastrado no site ainda são enviados e-mails com as ofertas mais relevantes para o seu perfil. Ao escolher a promoção, o usuário é direcionado para o site do parceiro, onde realiza a compra diretamente.

“O objetivo da Turismocity é ajudar os viajantes a economizarem tempo e dinheiro em suas viagens. Em média, a economia para nossos usuários é de 35% no preço da passagem, mas pode chegar a 50%. No Brasil, temos parceria com as maiores sites de viagens e logo vamos expandir para o setor de hotéis”, explica Renata Coelho Mastandrea, Community Manager do TurismoCity.

Deixe uma resposta