Início Carreira Nobile Hotéis filia-se ao Great Place to Work

Nobile Hotéis filia-se ao Great Place to Work

154
0
COMPARTILHAR

Pessoas certas nos lugares certos! Este é um dos motes mais utilizados pela Nobile Hotéis quando o assunto são os seus colaboradores. Na visão e valores do grupo, eles têm importância fundamental no centro estratégico da companhia.

Recentemente a área de Recursos Humanos realizou uma pesquisa interna com os mais de 2.700 funcionários. O trabalho detectou que 96% deles mencionaram estar satisfeitos e realizados em fazer parte da empresa.

São 11 anos de atuação no mercado da hotelaria nacional e muitas são as conquistas da Nobile no mercado. Atualmente, a companhia ocupa a 3ª posição no ranking das 50 maiores Cadeias e Administradoras Hoteleiras do Brasil.

Uma de suas marcas, a Nobile Suítes, está entre as Top Ten Brands do mercado brasileiro, segundo o relatório “Hotelaria em Números 2018” da Jones Lang LaSalle

A rede contabiliza para este ano 12 novas aberturas confirmadas. E ainda conta com 22 hotéis em pipeline, com previsão de início das operações nos próximos dois anos. São 18 no Brasil e quatro em outros países da América Latina.

Convicta de que sua exitosa trajetória é fruto do trabalho apaixonado do seu time de colaboradores, a Nobile estipulou mais uma meta: estar entre as melhores empresas para se trabalhar na hotelaria e turismo.

Investimento em gestão de pessoas

Para atingir essa marca, a Nobile firmou parceria com o Great Place To Work (GPTW), autoridade global no mundo do trabalho. O projeto será executado em parceria, durante três anos. O objetivo é introduzir conceitos do GPTW, reforçar o pilar gestão de pessoas, empoderar e capacitar os gestores e consolidar cultura, cascateando conceitos para todos colaboradores.

Roberto Bertino, Fundador e Presidente do Grupo Nobile

“Nossos colaboradores estão no centro estratégico da companhia. Buscamos ter em nossos empreendimentos as pessoas certas, colocando-as nos lugares certos. Quando cuidamos bem dos nossos colaboradores, eles cuidam bem dos nossos clientes. Estamos cumprindo bem esse papel e essa é a chave do sucesso”, declara Roberto Bertino, fundador e presidente da Nobile Hotéis.

“Somos um time com mais de 2.700 funcionários. Entre eles, 96% registraram satisfação com a companhia em nossa última pesquisa. Para acompanhar este crescimento vertiginoso, além de investir no nosso pessoal, investimos em um novo escritório central, em Brasília, para acolher os atuais 52 colaboradores corporativos”, explica o presidente da Nobile.

“Em São Paulo, também contamos com um escritório corporativo, na região da Vila Olímpia. No local, atuam as equipes de vendas estratégicas, revenue management, desenvolvimento, operações, projetos e implantações”, salienta Bertino.

Para Cíntia Cauchioli, Gerente de Recursos Humanos do Grupo Nobile, a filiação ao GPTW será um dos fatores principais para que a companhia atinja a eficácia em seus resultados.

Cíntia Cauchioli, Gerente de Recursos Humanos

“Elaboramos um projeto com a Great Place do Work para realização de atividades com duração de três anos. O objetivo é desenvolver cada vez mais o potencial dos nossos líderes e principalmente alcançar a satisfação dos nossos colaboradores. Sabemos que a área de gestão de pessoas é extremamente estratégica nas empresas e a Nobile está engajada neste propósito”, enfatiza Cíntia Cauchioli.

Pessoas no centro da companhia

Sensibilizar, inspirar e preparar líderes. O projeto de filiação ao Great Place To Work na Nobile Hotéis ainda está no início. Mas a companhia já almeja ser inserida, nos próximos anos, no ranking da entidade. Ele classifica as melhores empresas para se trabalhar no turismo e hotelaria.

Neste início do trabalho a recomendação do GPTW para um bom desenvolvimento do ambiente de trabalho estão ligados à cultura da companhia. O objetivo é focar na preparação de líderes e colaboradores para o futuro.

Victor Garcia, Diretor Regional da GPTW, destaca que é preciso modificar paradigmas. “As pessoas querem ficar na empresa quando o seu gestor as ouvem, e as trata de forma verdadeira. Podemos notar quando atitudes simples são realizadas o olhar de satisfação por parte deste colaborador, traz “brilho nos olhos”. Quando cuidamos das pessoas, elas nos retribuem com inovação, foco e propósito firmado nos valores da empresa”, salienta.

Garcia ainda afirma que um dos desafios da hotelaria está no turnover acentuado. Na sua avaliação, ele impacta diretamente no atendimento ao cliente.

“Se as pessoas estiverem felizes em seus ambientes de trabalho e se o gestor capacitar e ensinar este colaborador a cultura da empresa dia a dia, este índice será uma mera estatística na companhia”, ressalta o Diretor Regional da GPTW

Cíntia Cauchioli, completa mencionando que a redução do turnover é uma meta de todo RH. E ressalta que ela deve ser tratada com a devida atenção e profissionalismo.

“A Nobile entende que esta é uma atribuição da área de gestão de pessoas. Mas também de cada gestor de departamento. É importante que as pessoas entrem na empresa com a expectativa de não só permanecerem, como também galgarem oportunidades de crescimento. Desta forma, estarão sempre focadas no nosso negócio, porque se enxergarão parte dele”, explica ela.

“Um dos pontos relevantes na pesquisa de clima da Nobile é que os colaboradores reconhecem que a empresa aposta em seus talentos internos e oferece oportunidades de crescimento. Temos diversos casos de colaboradores que iniciaram suas carreiras com cargos de base e hoje não só ocupam cargos de gestores como foram premiados como líderes ou destaques do ano”, finaliza Cíntia.

 

Deixe uma resposta