Início Destaque A Vila do Saber e a participação feminina no turismo brasileiro

A Vila do Saber e a participação feminina no turismo brasileiro

526
0
COMPARTILHAR

“Mulheres no comando do turismo brasileiro. Por que são tão poucas?” é o tema do debate com três grandes líderes desse setor no País – Chieko Aoki, Ana Carolina Medeiros e Magda Nassar. O encontro acontece amanhã, 26 de setembro, às 15h40, na Vila do Saber, espaço de qualificação da Abav Expo. Um dos objetivos da conversa é reforçar as políticas para que mais mulheres alcancem cargos de liderança.

Chieko Aoki é presidente da rede Blue Tree Hotels. Ana Carolina Medeiros é diretora do Grupo Taguatur e da ABAV-MA. Magda Nassar é vice-presidente da Abav Nacional, sócia-diretora da Trade Tours e presidente da Braztoa.

Em 2015, Nassar tornou-se a primeira mulher a presidir a entidade. No período, liderou relevantes projetos para o turismo nacional, tanto institucionais, como comerciais. Juntas, elas vão contar os desafios que enfrentaram e como a experiência tem contribuído para tomar grandes decisões que o cargo exige.

A Vila do Saber e a participação feminina no turismo brasileiro
Patrícia Servilha

Patricia Servilha fala sobre destinos empoderados

Patrícia Servilha, formada em História pela USP, especialista em Administração e Marketing de Eventos pelo SENAC-SP e pós-graduada em turismo cultural pela Universidad de Palermo, em Buenos Aires, vai proferir a palestra ‘Destinos Empoderados Aparecem e Fazem Acontecer’. A apresentação será no dia 27/09, na Vila do Saber da 46ª Abav Expo, das 13h00 às 13h45. O tempo será dividido em 30 minutos de exposição e 15 para perguntas e respostas.

A palestrante partirá do conceito de empoderamento para abordar como os destinos podem ter total domínio para atrair mais visitantes. E, também, atender à expectativa principal do turista: desfrutar a felicidade no destino eleito. Na oportunidade, serão expostas ideias que norteiam a elaboração de planos de marketing turísticos, tanto de lançamento como de recuperação e reposicionamento de lugares, regiões e cidades turísticos.

Vários itens serão abordados. Desde a identificação dos recursos mais atrativos do local, como o patrimônio cultural e natural, acessibilidade, rede hoteleira, transportes, e sua transformação em produtos, até a definição da estratégia e sua operacionalização, definição de marca, mensagens, orçamentos, patrocínios e parcerias.

Outras atrações

“A Força do coletivo gerando oportunidades e atrativos para o turismo”, sobre ecoturismo, “Práticas do Overturismo – O reverso da hospitalidade”, “Um turismo mais inclusivo” e “Competitividade no turismo do Brasil” estão entre os temas dos outros painéis da Vila do Saber.

Além disso, serão abordados assuntos como a rentabilidade que o turismo étnico pode trazer para o mercado e a força de trabalho de pessoas de diferentes perfis nos hotéis como agregadora de valor para o conjunto.

 

 

 

Deixe uma resposta