Início Aviação Leilões de 12 aeroportos podem render R$ 3,5 bilhões em investimentos

Leilões de 12 aeroportos podem render R$ 3,5 bilhões em investimentos

409
0
COMPARTILHAR

Com o intuito de concluir até março todas as concessões de aeroportos, o presidente Jair Bolsonaro afirmou, pelas redes sociais, que os leilões vão render três bilhões e meio de reais em investimentos em 12 terminais do país nos próximos 30 anos. Os leilões estão previstos para o próximo mês.

Devem ser entregues à iniciativa privada os aeroportos de Recife (PE), Maceió (AL), Aracaju (SE), Juazeiro do Norte (CE), João Pessoa e Campina Grande (PB), Vitória (ES) e Macaé (RJ), Cuiabá e Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta (MT).

A expectativa é que aconteça uma melhora na oferta dos serviços

Bolsonaro disse ainda que essas concessões vão gerar qualidade no serviço, emprego e economia. Além disso, ressaltou que a meta faz parte do planejamento de ações dos 100 primeiros dias de gestão.

“Todos os leilões dos aeroportos citados estão previstos para serem realizados até março deste ano, conforme anúncio feito pela @ppinvestimentos. Qualidade no serviço específico, empregabilidade e economia. Estes são apenas os primeiros passos dentro desta área”, assegurou Bolsonaro.

Alta na demanda exige melhores serviços nos aeroportos

Nos últimos anos houve um crescimento muito forte da demanda pelo uso dos serviços dos aeroportos no Brasil. A média mundial de crescimento no movimento de passageiros foi de 40%, de 2003 a 2010. No Brasil, o aumento foi de 118%, no mesmo período.

Entre 2009 e 2010, a variação foi de 6,6% no mundo e de 21,3% no Brasil. Esse aumento faz com que haja uma necessidade crescente de investimentos para a manutenção da qualidade no atendimento nos aeroportos e para a adoção de padrões internacionais de operação.

Assim, o governo brasileiro avalia que, como em outros segmentos da economia, a parceria com a iniciativa privada vai viabilizar com mais rapidez os investimentos, a troca de experiências e a absorção das melhores práticas no setor.

Leilões podem trazer até R$ 6,4 bilhões para o governo

Segundo os cálculos feitos pelo governo, a estimativa é arrecadar R$ 6,4 bilhões até o fim do ano. Considerando a concessão de todos os aeroportos.

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, já havia anunciado que o processo relativo a 12 terminais ocorreria em 15 de março.

Além dos terminais aeroportuários, o Ministério da Infraestrutura ainda pretende arrendar mais 10 terminais portuários e a Ferrovia Norte-Sul ainda nos 100 primeiros dias de governo. O valor total estimado em investimentos com essa ação supera R$ 7 bilhões.

Deixe uma resposta