Início Conventions e Captação Guarujá aprova regras de segurança para prática turística

Guarujá aprova regras de segurança para prática turística

447
0
COMPARTILHAR

Dezembro de 2019 ficará marcado em Guarujá como exemplo da força de união de um setor. A mobilização de diferentes atores, com o propósito comum de promover a prática turística como vetor do desenvolvimento sustentável, conquistou um resultado importante.

Isso por que, após quatro anos em busca da regulamentação da prática de esportes como voo livre, rapel, escalada, parapente, entre outros, Cleber Mesquita, nativo proprietário da agência de viagens Guarujá Radical Turismo e Aventura, agora pode comemorar.

Guarujá aprova regras de segurança para prática turística

“Em 2015, comecei minha peregrinação no Rio de Janeiro, em Brasília e Minas Gerais. Tudo apenas para reunir informações. Fundamentei uma proposta para a adoção de medidas legislativas para garantir segurança à prática turística de esportes radicais em Guarujá”, lembra.

Temendo acidentes, em decorrência da possível chegada de concorrentes desleais, Mesquita recorreu à pasta da Secretaria de Turismo do município, na época (2017) ocupada por Tais Margarido.

“Fui muito bem recebido. Mas em seguida houve mudança no secretariado e, desde então, os documentos protocolados não resultaram em nada. Isso me deixou desanimado”, conta.

Como membro do Guarujá Convention and Visitors Bureau (GCVB), no início de junho, Mesquita comentou sobre seu desalento com a presidente da entidade. Recebeu de Lau, uma voz de incentivo e prontidão na mobilização de outras forças da sociedade civil organizada. A ACEG – Associação Comercial e Empresarial de Guarujá, sob a presidência de Jairo Francisco Nobre, também apoiou a ideia.

“É um pleito justo sob a ótica das boas práticas comerciais. A regulamentação da prática turística de esportes é fundamental para manter a excelência de qualidade dos serviços turísticos em nosso município”, argumentou Lau durante audiência, que foi realizada em 3 de junho de 2019, no gabinete do vereador e líder do governo Antonio Fidalgo Salgado Neto.

Seis meses e um dia após aquela audiência (foto), Salgado, que também é presidente da União dos Vereadores da Baixada Santista (Uvebs), aprovou, por unanimidade, Projeto de Lei de sua autoria. Ele estabelece regras de segurança para a prática turística de atividades de aventura e ecoturismo em Guarujá. “Uma conquista que abre caminho para outras”, comemoram os associados do Visite Guarujá (marca promocional do GCVB).

De acordo com Salgado, a iniciativa legislativa também contou com o apoio do secretário de Turismo, Marcelo Nicolau. Além dos secretários adjuntos de Turismo, Fábio Santos, e de Educação, Esporte e Lazer, José Galvão. Os vereadores Raphael Vitiello e Sérgio Santa Cruz também apoiaram o projeto.

“A regulamentação atrairá mais demanda turísticas para Guarujá na próxima temporada. No mínimo, 20%”. Assim prevê o agente de viagens que, além de rapel, oferece passeios nas trilhas Saco do Major, Praia Branca e da Praia Branca à Praia de Comburi.

Leia também Seis praias para curtir o Guarujá

Deixe uma resposta