Início Cultural Festival de Alcachofra em São Roque

Festival de Alcachofra em São Roque

241
0
COMPARTILHAR

Localizada a 68 km de São Paulo, São Roque – que vem recebendo um imenso número de turistas a cada fim de semana em seu Roteiro do Vinho – tem se posicionado também como grande produtora de alcachofra.

Festival de Alcachofra em São Roque

A flor comestível, uma iguaria trazida por portugueses, italianos e espanhóis para o Brasil, encontrou na região o clima favorável para seu plantio e começou a cair no gosto popular. As cidades de Ibiúna, Piedade e São Roque são responsáveis por noventa e cinco por cento da produção nacional.

O Festival de Alcachofra, que sempre aconteceu durante a Expo São Roque – Vinhos e Alcachofras -que esse ano não acontecerá, terá seu momento próprio, de 12 de setembro a 15 novembro, quando poderão ser encontradas variedades de pratos, pastéis, sorvetes, congelados, conservas e a flor “in natura” em alguns estabelecimentos na Rota do Vinho.

Na Alcachofra Bonsucesso, Dona Ana Lídia recebe os visitantes contando a história da flor em meio a plantação. No local, é possível comprar alcachofras tiradas do pé na hora ou se deliciar com as receitas exclusivas servidas no restaurante no local. O destaque é o bacalhau gratinado com alcachofra. No pequeno empório local, há também congelados, patês e conservas da flor produzidas pela anfitriã.

Festival de Alcachofra em São Roque

Na Vinícola XV de Novembro, uma das mais antigas da região e a maior produtora de alcachofra do município, também é possível a compra “in natura”. Segundo Alex, proprietário, toda a produção é destinada a restaurantes e ao consumidor final. “A procura é tão grande que não conseguimos abastecer entrepostos”, comentou.

Entre os restaurantes que participam do festival, destaque para o da Vinícola Frank, com o pastel e a alcachofra à parmegiana, entre outras opções.

Festival de Alcachofra em São Roque

A planta “in natura” tem diversas classificações, referentes ao tamanho e a florada que foi colhida, o que faz o valor variar. Geralmente são vendidas por unidade. São ricas em vitamina A, C e B2; cálcio, fósforo, ferro, potássio e magnésio e com poucas calorias.

Leia da mesma autora Pequenas propriedades rurais descobrem o turismo

Deixe uma resposta