Início Destaque Acre valoriza história e natureza para fortalecer turismo

Acre valoriza história e natureza para fortalecer turismo

159
0
COMPARTILHAR

O Acre é conhecido como a terra de Chico Mendes e também como um lugar detentor de belezas naturais únicas. Entre suas atrações estão o Parque Nacional da Serra da Divisor, rios e trilhas ecológicas. Peculiaridades que tornam sua história e região atrativas para o turismo.

Exército no Acre: Companhia Regional do Alto Acre, estacionada em Pennapolis, em 1912

Pensando em explorar todo esse potencial turístico do estado, a secretária de Empreendedorismo e Turismo do Acre (SEET), Eliane Sinhasique, se reuniu com o Conselho Estadual de Turismo. O objetivo foi traçar estratégias de fortalecimento dessa atividade nos 22 municípios acreanos.

A gestora lembrou que é preciso fomentar o turismo interno e fortalecer os municípios. Dessa forma, segundo ela, eles poderão explorar suas peculiaridades internas e assim movimentar a economia, gerando emprego e renda para as comunidades locais.

“Nós temos uma riqueza cultural extraordinária. Precisamos nos apropriar disso pelo viés turístico. O turista que vem ao Acre deseja vivenciar os modos de vida dos povos da floresta. Ele quer tomar banho de rio, comer um peixe assado na palha de bananeira ou uma galinha caipira. Nós precisamos enxergar isso como oportunidade de negócio”, ressaltou.

Índios Yamanawa dançam durante festival na aldeia

Turismo de experiência

A ideia, segundo a secretária, que também é presidente do Conselho, é construir um novo momento para o turismo acreano, Valorizar a fauna, flora e o misticismo da floresta para despertar nos acreanos o sentimento de pertencimento pelo Acre.

Sinhasique acredita que investir e fomentar o turismo de experiência será um fator determinante para fortalecer o setor. “Nesse tipo de viagem o visitante tem a oportunidade de vivenciar as tradições da região com roteiros que aliam experiências históricas, culturais e gastronômicas com atividades específicas de cada região”, completou.

Para isso, ela lembrou que é preciso o engajamento de todo o trade acreano, composto por hotéis, restaurantes e demais órgãos envolvidos com turismo para receber os visitantes. Além também da adesão das comunidades locais para que os serviços ofertados aos turistas sejam integrados e de qualidade.

Para a presidente do Conselho é preciso priorizar a capacitação

“Precisamos provocar uma mudança de comportamento e atitude. Fazer com que esse trade compreenda a necessidade da capacitação das pessoas que trabalham em bares, restaurantes, hotéis, transportes e etc, para receber bem o turista e divulgar bem a nossa região”, ressalta a presidente.

Conselho Estadual de Turismo se reúne para definir estratégias para o setor

O encontro para discutir as ações estratégicas ocorreu na Associação Comercial, Industrial de Serviço e Agrícola do Acre (Acisa). Representantes de classes como o Sebrae, Fecomércio e rede hoteleira estiveram presentes. Todos se mostraram entusiasmados com o novo formato de trabalho do ramo.

Ana Lúcia Cunha, representante do Sindicato de Guia de Turismo do Acre, também participou da reunião. Ela ressaltou que o trabalho integrado do trade, do Estado e das comunidades, vai preparar a região para receber um número maior de visitantes. ”Essa parceria vai nos ajudar a desenvolver o turismo como geração de renda”, enfatiza.

 

Deixe uma resposta