Início Cultural Três circuitos de design em Buenos Aires

Três circuitos de design em Buenos Aires

294
0
COMPARTILHAR

O exponencial desenvolvimento das indústrias criativas, somado à ampla oferta cultural e comercial, fez com que Buenos Aires fosse uma das primeiras cidades a obter o título de Cidade do Design, distinção concedida pela UNESCO em 2005.

Três circuitos de design em Buenos Aires

Desde então, diversos setores ligados ao design têm fomentado a inovação, ao mesmo tempo em que impulsionam a produção local, fortalecendo a posição da cidade nos mercados internacionais. Em particular, três circuitos se firmaram como pólos de design que os portenhos escolhem ano após ano, e também os turistas que vêm a Buenos Aires de dentro e de fora do país.

O circuito de Palermo Viejo, hoje conhecido como Palermo Soho, é escolhido por diferentes designers, nacionais e estrangeiros. É um centro comercial a céu aberto, e a oferta é tão variada que é possível encontrar de tudo, desde artesanato às marcas de moda mais reconhecidas a nível mundial.

Além disso, as diferentes lojas de moda são intercaladas com feiras e galerias de arte. Palermo Viejo é uma excelente opção para quem busca aliar criatividade, inovação e vanguarda; considerando também que oferece algumas variantes mais acessíveis e outras mais exclusivas.

Seguindo pela avenida Santa Fé, chega-se à Recoleta. O bairro mais exclusivo da Cidade se destaca por seus amplos espaços culturais. Lá você pode encontrar alguns dos museus mais emblemáticos da cidade, como o Museu Nacional de Belas Artes e o Museu de Arquitetura e Design.

Além disso, está inserido neste circuito o conceituado Centro Cultural Recoleta, que dispõe de salas de exposição de artes visuais, loja de design contemporâneo nacional e diversos espaços recreativos, entre outros setores. O declarado Monumento Histórico Nacional recebe, em média, mais de meio milhão de visitantes por ano.

Três circuitos de design em Buenos Aires

O design de moda é uma característica do circuito. Concentra-se principalmente em três dos shoppings mais movimentados da Cidade: o Patio Bullrich, o Buenos Aires Design e o Recoleta Mall. A oferta varia entre produtos locais e internacionais, combinada com ambientes luxuosos que tornam o passeio uma completa experiência de compra.

Finalmente, ao dirigir-se ao sudeste da cidade, chega-se a San Telmo. Este ponto reflete a tradição de Buenos Aires como nenhum outro, por isso é um dos mais escolhidos pelos turistas. Até a preferência deste bairro por visitantes estrangeiros data do final do século XIX: as ruas próximas ao rio foram escolhidas por centenas de imigrantes que vieram a Buenos Aires.

Atualmente, o passeio oferece várias feiras, mercados populares e antiquários. Além disso, diversos designers independentes instalaram seus negócios lá. Entre eles você encontra calçados de grife, chapéus feitos à mão, joias e itens de coleção.

Leia também Série fala sobre Paraty e Ilha Grande, patrimônios mundiais da UNESCO

Deixe uma resposta