Início Destaque Lagoa Santa ganha nova opção de hospedagem: eSuites, da Vert Hotéis

Lagoa Santa ganha nova opção de hospedagem: eSuites, da Vert Hotéis

3159
0
COMPARTILHAR

O hotel eSuites está a cerca de 10 minutos do aeroporto de Confins, próximo as principais atrações turísticas de Belo Horizonte e a 30 quilômetros do centro da cidade.

Ele oferece 180 apartamentos e diversas comodidades. Entre elas: academia, sala de eventos e piscina com vista para a lagoa. Além do SPA Mitra, que permite ao hóspede total relaxamento e bem-estar.

Atrações da Lagoa Santa e do eSuites

Lagoa Santa, além de suas belezas naturais, ganhou destaque internacional por sua grande variedade de descobrimentos fósseis que constituem o rico e famoso acervo arqueológico da região.

Protegida por lei, Lagoa Santa é considerada “Área de Proteção Ambiental”, a APA – Carste de Lagoa Santa. São muitos os atrativos que tem a oferecer como grutas, museu, parque e a própria Lagoa.

Outro destaque fica por conta do renomado Spa Mitra. Ele oferece massagens, tratamentos de estética facial e corporal, além de programas especiais para noivas, detox, coaching, entre outras opções.

Vert Hotéis engajado com o destino

O diretor de Marketing & Vendas da rede, Bruno Guimarães, esclarece que a Vert Hotéis possui um compromisso que vai muito além do que administração hoteleira. “Nós estamos engajados na promoção dos destinos onde atuamos. Lagoa Santa está dentro de um perímetro muito importante no estado de Minas Gerais que atende tanto ao Aeroporto Internacional de Confins, a macro região industrial em torno dele, os moradores da própria cidade e aos turistas de lazer que buscam o destino, em especial nos finais de semana, pra curtir as maravilhas da região, as grutas, a Serra do Cipó e, principalmente, a própria cidade, que se posiciona como um destino de descanso, relaxamento e lazer a apenas 40 minutos da capital, Belo Horizonte”.

A rede assim consolida sua posição com o segundo hotel em operação na cidade e o sexto empreendimento da marca eSuites no Brasil.

Deixe uma resposta