Início Ecoturismo, Aventura e Esporte Ilha dos Arvoredos, em Guarujá, recebe selo Green Key

Ilha dos Arvoredos, em Guarujá, recebe selo Green Key

82
0
COMPARTILHAR

A certificação da Ilha dos Arvoredos com o selo Green Key torna a local o primeiro e único atrativo turístico das Américas e do Hemisfério Sul a ter esta certificação ambiental internacional e a insere assim no mapa mundial do Turismo Sustentável.

Para apresentar esta novidade ao trade turístico, representantes do projeto da Ilha dos Arvoredos estiveram recentemente na sede do Guarujá Convention and Visitors Bureau (GCVB) – Visite Guarujá, associação sem fins lucrativos que promove e fortalece os atrativos e diferenciais competitivos de Guarujá para atrair mais turistas e gerar novas oportunidades de negócios nas áreas de hospedagem, gastronomia, entretenimento, comércio e setor de serviços em geral.

Com fins educativos, científicos e de educação ambiental e ecoturismo, a Ilha dos Arvoredos foi projetada nas décadas de 1950 e 1960 pelo engenheiro Fernando Eduardo Lee para ser um verdadeiro laboratório a céu aberto, com recursos e tecnologias sustentáveis para demonstrar a importância da relação harmoniosa com o meio ambiente.

Por meio do Projeto Mundo Sustentável, uma parceria entre a Fundação Fernando Eduardo Lee (FFEL) e o Instituto Nova Maré (INMAR), a Ilha está aberta à visitação ecoturística colaborativa desde 2021, apresentando portanto aos visitantes este legado histórico e cultural, e a experiência de melhores práticas para uma atração turística sustentável, compromisso este atestado com a conquista do selo Green Key.

Ilha dos Arvoredos, em Guarujá, recebe selo Green Key
Ana Paula Oliva, Conselheira da Fundação Fernando Eduardo Lee (FFEL), Yasmim Garcia da Silveira, Diretora de Conservação Ambiental do Instituto Nova Maré (Inmar), Bruno Tacon Cardoso, Presidente do Inmar, Sandra Chiamulera, Diretora Executiva do Guarujá Convention and Visitors Bureau (GCVB – Visite Guarujá), Profa. Dra. Priscilla Bonini Ribeiro, pesquisadora da FFEL e Lourival De Pieri, presidente do GCVB – Visite Guarujá

Para o presidente do Visite Guarujá, Lourival De Pieri, “a conquista do selo tem grande relevância para o destino Guarujá. Além de projetar o nosso país no cenário turístico global, será um atrativo único para a cidade de Guarujá. A visitação turística à Ilha dos Arvoredos é uma experiência encantadora e inesquecível”.

Certificação internacional

O selo Green Key é um selo ambiental internacional para instalações turísticas que, desde 1994, tem sido um dos principais programas de excelência em responsabilidade ambiental e operação sustentável na indústria do turismo. O Programa Green Key é gerido internacionalmente pela Foundation for Environmental Education (FEE), sediada na Dinamarca, representada no Brasil pelo Instituto Ambientes em Rede (IAR).

A Ilha dos Arvoredos é único atrativo turístico certificado nas Américas e no Brasil – mais de 4 mil estabelecimentos em 60 países possuem a certificação, concedida a instalações turísticas em seis categorias: equipamentos de hospedagem, parques de campismo, pousadas e pequenas acomodações, centros de eventos, restaurantes e atrativos turísticos.

Desses 4 mil selos em todo o planeta, apenas 97 são na categoria atrativos turísticos (museus, centros de visitantes e parques temáticos), e a Ilha dos Arvoredos torna-se agora dessa forma o único atrativo localizado nas Américas e do Hemisfério Sul. Os demais estão concentrados na Europa (65) e na Ásia (1). A categoria de Atrações Turísticas é considerada a mais complexa para ser atendida e, por isso, possui poucos selos distribuídos.

Considerando todos os tipos de estabelecimentos, o Brasil reúne, além da Ilha dos Arvoredos, outros sete locais certificados na categoria de equipamentos de hospedagem, localizados nos estados de Paraná (1), Rio Grande do Sul (1) e São Paulo (4). No site www.greenkey.org é possível verificar a localização e detalhes de todos os equipamentos certificados.

Ilha dos Arvoredos, em Guarujá, recebe selo Green Key

Reconhecimento

Para a conquista do selo, a Ilha dos Arvoredos passou portanto por um processo de avaliação de documentação e de seu sistema de gestão que é pautado nos conceitos do Green Key, além de auditoria externa, realizada no dia 23 de dezembro de 2023, seguindo rigorosos critérios. Após aprovação, os níveis de excelência devem ser mantidos, pois serão continuamente avaliados em inspeções regulares para manutenção do selo.

Para a pesquisadora e conselheira da Fundação Fernando Eduardo Lee, Profa Dra Priscilla Bonini Ribeiro, “a conquista do selo é a materialização do anseio em apresentar a ilha como uma grande referência ambiental. Nos sentimos dessa forma extremamente honrados. É motivo de orgulho não apenas para nós, pesquisadores, mas para todos os colaboradores, parceiros e, principalmente, um prestígio e referência para a comunidade, para que reconheçam e contribuam assim com as ações de preservação do nosso planeta para as gerações futuras”, ressalta Priscilla, que elaborou em sua tese de doutorado o modelo de Educação Ambiental que embasa o programa de visitação.

Foi um trabalho focado durante meses para preparar a documentação e manter assim os critérios estabelecidos dentro de padrão de excelência que permitiram portanto a conquista do selo. Para Bruno Tacon Cardoso, engenheiro ambiental, presidente do Instituto Nova Maré (INMAR) e responsável pela condução do processo para obtenção do selo, “o título de primeira Atração Turística Sustentável do Hemisfério Sul e das Américas com o Green Key valida dessa forma o legado que Fernando Lee nos deixou, Brasil já foi protagonistas em sustentabilidade no passado, podemos retomar essa visão e colocar assim a Ilha dos Arvoredos como um grande símbolo de que é possível termos um mundo sustentável. Mostramos que é possível, agora esperamos então incentivar outros pontos verdes no mapa mundial do Turismo Sustentável”.

Leana Bernardi, coordenadora nacional do programa Green Key no Brasil, expressa sua satisfação: “É com imensa alegria que compartilhamos esta conquista marcante para o Programa Green Key no Brasil. Além de ser um indicador de comprometimento com a sustentabilidade, o Green Key responde de maneira proativa à crescente demanda por um turismo mais consciente e integrado com os temas atuais. O programa Green Key oferece alternativas para turistas que buscam opções de viagem e entretenimento com valores ambientais, sociais e responsáveis”.

Ilha dos Arvoredos, em Guarujá, recebe selo Green Key

Movimento mundial pela Sustentabilidade

Os objetivos do Green Key em todo o mundo é estimular o aumento do uso de métodos operacionais e tecnologias ecologicamente amigáveis e sustentáveis nos empreendimentos, buscando reduzir o uso geral de recursos; além de ampliar a conscientização e proporcionar mudanças de comportamentos dos clientes, colaboradores e fornecedores dos empreendimentos turísticos, e na indústria do turismo em geral. A Educação Ambiental está crescendo no mundo inteiro, e a Ilha dos Arvoredos consolida-se como um exemplo pioneiro em Sustentabilidade no planeta a partir de sua tradicional missão de cunho científico e educacional atrelado à sua essência.

Leia também Ilha dos Arvoredos, uma atração ímpar no litoral paulista