Início Conventions e Captação Fundação 25 de Janeiro aprova contas 2022 por aclamação e elege diretoria...

Fundação 25 de Janeiro aprova contas 2022 por aclamação e elege diretoria 23/24

414
0
COMPARTILHAR

No dia 9 de março, a Fundação 25 de Janeiro, com as marcas São Paulo Convention & Visitors Bureau (SPCVB) e Visite São Paulo, aprovou por aclamação as contas do exercício 2022. A Assembleia Geral foi coordenada pela Dra. Luciana Bucharelli, da Luchesi Advogados, com relatório apresentado por Luiz Gustavo Pereira, Sócio da Auditoria BDO, indicando transparência e legalidade em todos os procedimentos realizados pela entidade no período. Encontro ocorreu na sede da entidade.

“O Conselho Curador atua como um Conselho Fiscal da entidade. Como Fundação, está submetida à prestação de contas com o Ministério Público e Curadoria das Fundações, a partir da auditoria realizada todos os anos, atendendo uma série de protocolos e compliance, garantindo ética e resultados plenos a todas as atividades”, apontou Orlando de Souza, Presidente do Conselho Curador da gestão 2021/22.

Na ocasião, foi eleita a nova gestão do Conselho Curador 2023/24, com Raul Sulzbacher (Shopping Iguatemi) como Presidente; e Percival Maricato (Abrasel SP), Orlando de Souza (FOHB), Gervásio Tanabe (Abracorp), Ricardo Roman Jr (ABIH SP) e Juliana Assumpção (Abav SP) como Vice-Presidentes.

Fundação 25 de Janeiro aprova contas 2022 por aclamação e elege diretoria 23 24

“O compromisso com todos os membros dos conselhos, colaboradores, com as empresas e entidades associadas, e com os resultados focados nos objetivos estatutários da Fundação 25 de Janeiro, a partir da liderança do Presidente Executivo Toni Sando e sua equipe, garante a sustentabilidade financeira das atividades, impacto no setor de turismo, eventos e viagens e possibilidade para criar ações inovadores e novas oportunidades”, detalhou Raul Sulzbacher, recém-empossado como Presidente do Conselho Curador 2023/24.

As entidades/empresas membros do Conselho são: ABAV SP, ABBTUR SP, ABEOC SP, ABIH SP, ABLA, ABRACORP, ABRAJET SP, ABRASEL SP, ACSP, APIC, APP, APRECESP, LOGISTAS SHOPPING MORUMBI, BRAZTOA, CECOMERCIO SP, REDE BANDEIRANTES DE RÁDIO E TELEVISÃO, SHOPPING IGUATEMI, EMBRATUR, FECOMERCIO SP, FOHB, GOL LINHAS AÉREAS, GRUPO DORIA, SHOPPING ELDORADO, PREFEITURA DE SERRA NEGRA, PREFEITURA DO GUARUJA, REDE GLOBO, SECRETARIA DO ESTADO DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE, SECRETARIA DE TURISMO E VIAGENS DO ESTADO DE SÃO PAULO, SECRETARIA MUNICIPAL DE TURISMO, SINDETUR, SINDILOJAS SP, SINHORES SP, LATAM LINHAS AÉREAS, TRANSFRETUR e UBRAFE.

Atualmente, a governança corporativa da Fundação 25 de Janeiro é formada por um Conselho Curador com representantes de 35 entidades/empresas. Além de um Conselho de Administração formado por 10 membros eleitos pelos associados, um grupo de 12 empresários e executivos que atuam como Conselho Consultivo e 5 como Conselho Consultivo Permanente, composto pelos ex-presidentes do Conselho de Administração; e equipe de colaboradores sob a gestão do Presidente Executivo, Toni Sando, em cinco áreas: Eventos, com Elenice Zaparoli; Administrativo-Financeiro, com Kelly Oliveira; Marketing, com Fabio Zelenski; Promoção, Aline Moreto; e Relacionamento, com Taciane Oliveira.

Veja o board completo em visitesaopaulo.com/estrutura.

Em seguida, foi realizado encontro com o trade paulistano, coordenado pela São Paulo Turismo (SPTuris). O objetivo foi promover a integração com o evento Formula E. Ele acontece no dia 25 de março na capital e promete movimentar R$300 milhões e gerar 3 mil empregos formais.

“Temos um contrato de cinco anos, com possibilidade de renovação para mais cinco. É um evento de grande conexão com o setor hoteleiro. E, além da prova, carrega também a pauta da mobilidade elétrica”, comentou Gustavo Pires, Presidente da SPTuris. Para Álvaro Boaventura, Diretor da Formula E, “é fundamental o primeiro parceiro do evento ser a cidade. Assim, extrapola os limites do esporte, sendo um evento que acontece nas ruas, se aproximando e integrando aos cidadãos”.

Leia outras notícias sobre entidades de classe ligadas ao setor de turismo